Antes & Depois

Auto Posto Timbiras – 1950 & 2012

Comments (20)
  1. J.C.Cardoso disse:

    Quaaaaase igual!
    Douglas: apenas uma correção “não houve mudanças” em vez de “não houveram”.
    Verbo haver significando existir é sempre na terceira pessoa do singular. Oração sem sujeito ou sujeito inexistente.
    Ou então: “não existiram mudanças”, porque aí “mudanças” passa a ser sujeito.

    P.S.: Para mim, piorou, porque acho a gasolina dos postos Ale (pelo menos, aqui no Rio) uma porcaria.

  2. Rogerio disse:

    O dono poderia ter preservado o telhado, as bombas e as colunas que conferiam charme ao postinho. Um certo ar ‘retrô’, muito em voga atualmente. Seria como andar pelas ruas e de repente deparar-se com um automóvel antigo, ainda original. Nos EUA ainda existem muitos postos de gasolina dos anos 50 totalmente preservados como podemos ver nos filmes.

  3. Mas essa modificação da arquitetura do posto é recente? Eu realmente não me lembro ali daquele postinho simpatico da Esso…

  4. Ricardo disse:

    Uma diferença crucial: apesar de que em 1950 não exixtiam lixeiras e em 2012 aparece uma em primeiro plano, é na mais recente que se observa lixo no chão.

  5. Markk disse:

    Esse J.C.Cardoso, metido a professor Pasquale é um tremendo de um bundão.

    1. luKAS disse:

      MarKK quem fala que é

  6. Helio disse:

    Markk não é bundão nada, de um blog legal como o sãopauloantiga a gente espera o melhor e se eles erraram não tem problema nenhum em corrigir

    agora sobre a foto:
    na foto contemporânea aparecem, também, os semáforos, faixas de segurança e rampas de acesso
    PS.: quando eu trabalhava no centro colocava gasolina nesse posto as vezes, é bem fraquinha mesmo

  7. Eldon disse:

    Quando morava no centro passava todo dia em fente!!!

  8. Moacir Tadeu Lopes disse:

    Na minha opinião a foto esta perfeita, ficaria melhor se o lado esquerdo do lado do edificio andraus aparessece o antigo Cine METRO onde curtir muitos filmes da da DYSNEY.

  9. Anderson disse:

    Que época boa essa onde poderiamos andar tranquilamente pelas ruas do Centro velho, nos dias atuais agente se depara com uma tropa de Craqueiros perambulando pela cidade e emporcalhando grandes Obras Arquitetonicas que fazem parte dos grandes Cartões Postais conhecidos no mundo. Anderson Santos – Funcionario Publico-SP

    1. Gracia Preter disse:

      É tão fácil reclamar dos craqueiros, mas fazer algo por eles ninguém quer. Tão mais fácil apontar o dedo, do alto de seu pedestal de funcionário público, cidadão trabalhador e sem vícios…

  10. Antonio Alves Calado disse:

    Meu amado irmão já falecido comprou um apartamento no edificio atrás do posto em 1978,morou até 2003.O apartamento ainda é da familia o que me deixa muito contente.

  11. Renata disse:

    Nem melhor, nem pior. Cada época tem o seu charme! 😉

  12. Aline disse:

    Olá.
    De início gostaria de lhes parabenizar pelo site.

    Meu nome é Aline e trabalho para a Secretaria da Fazenda de SP.

    Temos um posto fiscal na Lapa – São Paulo, onde pretendemos usar espaços livres em paredes para colocar fotos antigas de São Paulo. Para isso, imagino que um estudo da história do bairro seria adequado. Em nosso predio sede, na Sé, já utilizamos essa ideia anteriormente e ficou ótimo. Temos painéis com fotos antigas da construção do prédio.

    Poderias nos ajudar, caso possua algo, com fotos antigas de São Paulo, podendo ser tanto do bairro da Lapa como também de algo geral, trabalhadores em fazendas antigas ou na construção de São Paulo? Ou de repente, uma outra ideia?

    Agradeço muito,

    Aline Leotino

  13. EDGAR TOLENTINO RODRIGUES disse:

    infelizmente sao paulo e uma cidade sem memoria todo seu passado historico e derrubado em nome do progresso situaçao lamentavel.

  14. Mauricio disse:

    Infelizmente o posto foi fechado e no local será erguido um prédio.
    Lamento muito pelos funcionários que eram meus amigos e por São Paulo perder mais uma parte de sua história em razão do progresso.

  15. Dagoberto disse:

    Fui vizinho , trabalhava no 798 da são joão, em frente do cine metro e também cliente do posto de 1967 até 1980, o proprietário era o Sr. João, bons tempos, saudade.

    1. João Paulo de Oliveira disse:

      Olá Dagoberto, meu nome é João Paulo E estou interessado em saber mais sobre as pessoas que trabalhavam no posto. Tem alguém em especial que era muito amigo do meu Pai que ele gostaria de revê-lo.
      Desde já agradeço
      Abraços

  16. Pardo disse:

    Eu passava todo santo dia em frente a esse posto nos anos de 1997/1998, pois trabalhava no antigo Mappin São João que ficava logo ali mais pra frente.

  17. Jaime Antonio disse:

    Passei em frente do loca lontem, o posto foi demolido.

Deixe uma resposta

Publicidade:

SP ANTIGOS

Nosso Instagram: @saopauloantiga