Em agosto de 2008 o site São Paulo Antiga nem exisita ainda quando eu recebi um telefone de um amigo morador da rua Bresser que sabia que gosto de fotografar construções antigas e estava preocupado com o destino triste que poderia estar destinado o conhecido “Sobrado das Abelhas” do Belenzinho.

A construção é um sobrado comercial muito antigo com um aspecto bem peculiar, imitando uma muralha no seu andar superior e decorado com seis abelhas na sua fachada. As respostas para as abelhas esculpidas ali são muitas, já ouvi desde que a construção era uma pequena fábrica de doces no passado até uma loja de produtos médicos. Mesmo minha mãe que nasceu e se criou no bairro não lembra do que se tratava a construção quando ela era ainda garota.

Ao chegar no local me preocupei muito com o futuro da construção, para dentro do imóvel não havia mais nada em pé e tudo indicava que o imóvel iria abaixo por completo, inclusive derrubando a linda fachada decorada com abelhas.

Tratei de fotografar todo o imóvel e, na época, não tinha o São Paulo Antiga para noticiar. Publiquei uma notícia então no meu blog pessoal, que posteriormente foi importada para cá (clique aqui). Como era de esperar, movimentos de preservação não deram muita atenção ao imóvel por não estar na vitrine do centro e fiquei muito apreensivo com o que iria ocorrer com o sobrado. O tempo passava e como tortura a obra não terminava nunca. Qual seria o destino que aguardava o sobrado ?

Tempos depois voltei ao local e respirei muito aliviado com o que encontrei, a fachada foi preservada:

Recuperada a fachada, o prédio reabriu como loja Bicho do Sono

Está certo de que a cor não foi a melhor escolha para o imóvel, um tom mais escuro manteria a fachada limpa por muito mais tempo em uma rua com muita poluição oriunda do tráfego pesado de ônibus e caminhões. Mesmo assim, é satisfatório quando vemos que ainda existem empresas preocupadas em manter a fachada antiga de um imóvel. É compreensível que muitas vezes o interior da construção passe por reformas amplas, para adaptá-los a realidade atual. Mas a fachada sempre pode e deve ser preservada.

Parabéns à iniciativa da loja Bicho do Sono.

About the author

Jornalista, fotógrafo e pesquisador independente, edita o site São Paulo Antiga e é membro do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (IHGSP). Também edita o blog Human Street View, focado em comparações fotográficas entre a atualidade e o passado.

Deixe um comentário!

Comments

  • Tweets that mention Sobrado das Abelhas – Bicho do Sono — São Paulo Antiga — Topsy.com 13/09/2010 at 12:55

    […] This post was mentioned on Twitter by Douglas Nascimento, São Paulo Antiga. São Paulo Antiga said: Exemplo de São Paulo Restaurada, Bicho do Sono recupera imóvel curioso da zona leste de São Paulo: http://vempra.ca/nh […]

    Reply
  • Milton Rodrigues Alves 19/09/2010 at 11:21

    Também gosto muito de construções antigas de São Paulo. Sou da Mooca/Belém. Passei por aqui e acho que fiz uma descoberta sem querer: ninguém reparou que os insetos não são abelhas? Parecem mais bichos-da-seda, “Bombix Mori”, rodeados por casulos de seda. Provavelmente esse prédio foi, originalmente dedicado ao comércio de seda ou algo semelhante…

    Reply
    • Lia 17/12/2011 at 17:48

      e as folhas em volta lembram muito as amoreiras…

      Muito bem observado.

      Chama a atenção nos posts a dificuldade em consultar fontes e remontar a ‘história’ das construções, das famílias que construíram, as que moraram…Não temos mesmo o hábito de saber da história da nossa rua, para onde vamos, da casa que estamos ocupando…

      Será que era tudo construído sem nehuma documentação? E as demais obras do entorno? Da mesma época ou pouco antes/depois?

      Reply
  • Daniel 23/09/2010 at 04:20

    o problema da fuligem resultante do tráfego de veículos pesados movidos a diesel é em grande parte culpa da petrossauro que vende um combustível de qualidade duvidosa e do (des)governo que não adota uma política energética séria e coerente à realidade socioeconômica e ambiental do nosso país… e se a fachada era originalmente em tons claros, é bom que isso tenha sido preservado apesar do custo maior para uma manutenção adequada…

    Reply
  • Ralph Giesbrecht 23/09/2010 at 17:52

    Mas qual o endereço? Em que rua fica? E o mapa?

    Reply
    • Mauricio 20/11/2013 at 11:25

      Rua Bresser, 1382. Bairro do rás. São Paulo – SP. Atualmente funciona lá a loja bicho do sono.

      Reply
  • Claudia Nascimento 23/10/2010 at 11:45

    Pintaram a cantaria? É isto? Que pecado… Mas é assim: dando visibilidade, mesmo com erros, que a coisa anda! Parabéns!

    Reply
  • adriano 24/04/2011 at 18:43

    A COR É IMPORTANTE SIM CLAUDIA ,MAS NESSE CASO É O DE MENOS ,,,PARABENS AO PROPIETARIOS DA LOJA PELA MAGNIFICA ATITUDE
    MEUS PARABENS

    Reply
  • adriano 05/05/2011 at 18:28

    ALGUEM PODIA ME DIZER QL ERAS AS CORES MAIS USADAS NO INICIO DO SECULO XX ATÉ OS MEADOS DE 1950 ?

    Reply
  • daniel 17/06/2011 at 00:35

    é um entalhe muito semelhante aos entalhes que existem em todos os predios que eram pertencentes a familia barberini em roma. claro que nao é possivel que haja uma ligacao familiar direta, mas é muito possivel que quem o construiu teve contato com isso.

    Reply
  • aquinaojacare 25/07/2011 at 04:16

    Nossa eu fui lendo, lendo apreensiva até que fiquei aliviada com a boa noticia! Uffffa! Parabéns ao proprietário, hj em dia a ganância esta tão grande que muitos nao pensariam 2 vezes em derrubar esse belo casarão para fazer um estacionamento pé rapado!

    Reply
  • aquinaojacare 25/07/2011 at 04:20

    Eu estava novamente apreciando a foto quando fixei os olhos no fio elétrico. Gente, como é nojento essas “fiozaradas*. Para aterrar seria impossivel né… muito caro. O governo ja capenga com coisas mais importantes imagine com a paisagem… hahah faz me rir!

    Reply
  • Niderce Teresa 08/09/2011 at 19:14

    Que alegria, quando vemos o bom sendo falando mais alto. Parabéns, a quem recuperou este prédio!!

    Reply
  • Peterson Henrique Freitas 17/11/2011 at 15:32

    O importante é que essas jóias sobreviam pelos próximos anos, até essa onda de especulação imobiliária passar; e vai passar!
    Esses Imóvies provam a criatividade do paulistano. Essa fachada é de um ecletismo doido, lindo e expontâneo. Quem dera nossos engenheiros e arquitetos mercenários fizessam algo com o mesmo cuidado nos dias de hoje.

    Reply
  • Peterson Henrique Freitas 17/11/2011 at 15:33

    A solução de São Paulo é simples: reformar prédios abandados do centro para suprir a falta de salas comerciais e investir em metrô para conpensar o fato de que muitos desses prédios não tem garagem.
    Isso é de fato muito simples, só falta um bom prefeito, que lute contra as construtoras. Sinceramente tenho fé na candidatura do Haddad.

    Reply
  • Vitor 11/01/2012 at 23:18

    Nasci,me criei e sou do Belenzinho,mas pelo que entendi no começo da reportagem,pensei que esse Sobrado das Abelhas ficasse no Belenzinho,mas fica no Brás.
    Por isso,nunca vi ou ouvi nada desse sobrado.

    Reply
  • guilherme salles de campos 13/01/2012 at 19:41

    PARABENS AOS PROPRIETARIOS DO BICHO DO SONO FICOU MUITO DELICADO E DE BOM GOSTA A REFORMA A COISA MAIS IMPORTANTE P PRESERVAÇÃO DE UM IMOVEL É JUSTAMENTE A SUA UTILIZAÇÃO POR ISSO AS VEZES ALGUNS DETALHES DEVEM SER RELEVADOS P VIABILIZAR O USO .CONFORME A PERGUNTA DO ADRIANO AS CORES MAIS UTILIZADAS ERAM AS PASTEIS E A MAIORIA ERA DE TONS AMARELADOS QUE ERAM OS PIGMENTOS MAIS COMUNS A BASE DE MINERAIS P ADICIONAR A CAL DE PINTURA OS OUTROS TONS MAIS FORTES ERAM IMPORTADOS E CAROS ,PORTANTO MENOS UTILIZADOS.

    Reply
  • claudia 20/01/2012 at 16:28

    Parabéns por conservar este imóvel,ainda existe gente de bom senso.

    Reply
  • Via Cultural » Blog Archive » Bicho da Seda na fachada 19/11/2013 at 17:36

    […] Conheça: http://www.saopauloantiga.com.br/bicho-da-seda/ […]

    Reply
  • EDGARD MARTINS (Vô ED) 19/11/2013 at 17:39

    Gostaria aqui de parabenizá-los, não só por essa conquista, mas principalmente pela qualidade das informações, a variedade de assuntos e fotos, sempre colocados com muita clareza e competência que nos deixa muito bem informados e atualizados. Mais uma vez os meus parabéns.
    Abraços a todos,
    Edgard Martins (Vô ED)

    Reply
  • Cassiane 23/01/2014 at 11:15

    FELIZ PELA PRESERVAÇÃO. PARABÉNS PELAS INICIATIVAS DO SITE.

    Reply
  • Gilmar Santana 30/06/2017 at 14:13

    Atualmente o local está sendo utilizado por uma “outlet”, que pintou edifício com uma cor escura, mas felizmente os adereços ainda estão lá.

    Reply
%d blogueiros gostam disto: