Hoje trago uma receita de bebida típica caipira: a Canelinha. Diferente da pinga aromatizada com canela em pau, esta receita requer algum preparo, relativamente fácil. Antes de ensiná-lo, vou contar um pouco de história para vocês.

As primeiras mudas de cana-de-açúcar chegaram ao Brasil a bordo das expedições portuguesas que vieram ao país logo após o descobrimento. Foram inicialmente plantadas em São Vicente e depois em Pernambuco, onde se desenvolveram muito bem devido às condições climáticas favoráveis, especialmente pelo solo tipo massapê, aliado à proximidade do porto que favorecia escoamento da produção para Portugal, oeste da África e Oriente.

Na Europa, por sua vez, o açúcar era caro e raro, sendo mais utilizado como remédio do que como ingrediente culinário. Com o tempo as plantações de cana-de-açúcar se abundaram e acabaram por suplantar a extração de pau-brasil.

Na gravura de Rugendas, um engenho de cana-de-açúcar

Na gravura de Rugendas, um engenho de cana-de-açúcar

Os primeiros engenhos de cana surgiram na capitania de São Vicente com a ajuda do Tesouro Nacional, um deles criado por Martim Afonso de Souza.

A cana-de-açúcar então espalhou-se pelo Espirito Santo, litoral baiano e em Pernambuco, e tinha status de ouro em pó, sendo também conhecida como ouro verde. Durante mais de um século o Brasil foi o maior produtor mundial de açúcar.

A cachaça, um destilado de cana-de-açúcar, já era produzida desde 1540 nos engenhos cada vez mais numerosos no Brasil e sua produção foi para praticamente todo os cantos do país, tornando-se uma espécie de bebida nacional.

Fonte: Centro de Informações de Biotecnologia

E desta bebida nacional, vem o ingrediente principal de nossa receita desta semana: a cachaça. Vamos a ela ?

CANELINHA

Foto: Douglas Nascimento / São Paulo Antiga

INGREDIENTES:

  • 1 litro de água
  • 1 litro de cachaça (pinga) de boa qualidade
  • 1 quilo de açúcar refinado
  • chá de canela em pau bem forte

PREPARO:

Misture todos os ingredientes e ponha para ferver. Eu achei um quilo de açúcar exagerado, coloquei aproximadamente 700 gramas e mesmo assim ficou bem doce. Dica: Separe umas 3 colheres de sobremesa de açúcar, queime (caramelar) e acrescente à mistura para dar cor à bebida.

 

Simples, não é ? A canelinha fica semelhante a um licor de canela e é delicioso para arrematar uma refeição, ou ainda servido como tira-gosto.

CURIOSIDADE: Sabia que ainda existe em São Paulo um engenho a vapor, cujo motor é de 1899 ? Clique aqui e conheça!

About the author

Gerente de serviços em uma multinacional de tecnologia, Heloisa é fascinada por trabalhos manuais e faz da culinária um de seus hobbies prediletos.

Deixe um comentário!

Comments

  • Emerson de Faria 26/03/2015 at 19:29

    Já estava sentindo falta das receitas neste site. A propósito, Heloísa, quanto de chá você usou nesta receita?

    Reply
    • Heloisa 27/03/2015 at 08:43

      Olá Emerson, a receita original menciona apenas ´chá de canela bem forte´. Eu segui meus instintos culinários – o que torna a cozinha mais divertida e desafiadora – e fiz uma xícara de chá bem forte, com aproximadamente 6-7 paus de canela de aproximadamente 8cm cada. Obrigada por prestigiar a coluna de culinária.

      Reply
  • danielpardo2015 02/04/2015 at 22:50

    Deve ser boa, eu não posso mais beber nada alcoólico pois tomo um tipo de remédio que potencializa o efeito do álcool, logo, se eu tomar um trago dessa bebida vai parecer que tomei 1/2 litro e ai vai ficar “zuzo égal”… 😀 😀 😀 😀

    Reply
  • fernando canto 15/04/2015 at 10:58

    Adoro esse site.Parabéns a todos.

    Reply
  • Fábia de Oliveira 15/04/2015 at 13:47

    Muito interessante agora que estamos perto do inverno é uma dica maravilhosa

    Reply
  • ariovaldo 18/05/2015 at 22:06

    Quando eu era um garoto de 11 anos fui visitar meus parentes da cidade de Elisiário sp,e fomos de charrete até o campo onde haveria uma partida de futebol eles tomavam uma bebida chamada de XÍBOCA que depois de grande vim a saber que era a tal de canelinha uma delícia principalmente no inverno um abraço Heloísa daqui de Praia-grande sp !

    Reply
  • Ernesto Veras 14/08/2015 at 17:22

    Quanto tempo de fervura? Até reduzir a metade?

    Reply
    • helomad 07/06/2016 at 13:13

      Ernesto, logo que levantar fervura pode contar 2 minutos e desligue o fogo.

      Reply
  • Paulo 02/06/2017 at 19:43

    Mas e o teor alcoólico? Deve ficar bem mais fraco né?

    Reply
    • GOMES 17/05/2018 at 09:49

      É só colocar meio litro(500ml) de agua. E vai ter mais cachaça e vai ficar mais forte.

      Reply
  • francisco gonçalves garcia [chico garcia] 14/08/2018 at 18:06

    eu faço sem o cha–pinga agua canela em pau e queimo canela em po com açucar fervo tudo por +ou- 5 minutos>>>>1 litro de pinga meio de agua 500 gramas de açucar

    Reply
  • Jair 21/05/2019 at 23:09

    A canelinha pode ser armazenada na geladeira??

    Reply
  • Jair 21/05/2019 at 23:12

    Pode deixar na geladeira?

    Reply
%d blogueiros gostam disto: