O tempo vai passando e estas duas casas de 1914 localizadas na rua do Hipódromo, tentam resistir e se adaptarem ao novos tempos. As quatro grandes janelas foram fechadas e transformadas em uma porta comercial na casa esquerda, e uma pequena janela (atualmente emparedada) na casa à direita.

As portas altas típicas de construções do início do século XX deram lugar a portas mais baixas e modestas. Ambos os imóveis estão esquecidos e o da direita após ser transformado em ponto comercial abrigou um bar e café, e posteriormente uma sapataria, que aproveitou o toldo do antigo comércio, apagando o “bar e café” para dar lugar ao nome sapataria que também não está mais por ali.

Confira outras fotos destas casas (clique na imagem para ampliar):

About the author

Jornalista, fotógrafo e pesquisador independente, edita o site São Paulo Antiga e é membro do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (IHGSP). Também edita o blog Human Street View, focado em comparações fotográficas entre a atualidade e o passado.

JOIN THE DISCUSSION

Comments

  • Renata 17/06/2010 at 10:56

    Esses lugares me despertam tremenda curiosidade. Pena que não moro mais em São Paulo, senão visitaria esses imóveis aqui divulgados.

    Reply
  • Carla 13/08/2010 at 18:21

    Provavelmente estas casinhas pertenceram a descendentes de imigrantes italianos.

    Reply
  • joao nascimento 23/09/2010 at 02:44

    hj pertence a noias

    Reply
  • Sidney Diniz 26/02/2013 at 21:06

    boa noite amigos, morei na rua Frei Gaspar, que é uma travessa da rua do Hipódromo, muito próximo das casas da foto.Nàquela época, essas casas eram muito bonitinhas e bem cuidadas. Podíamos ficar nas portas das casas, conversando até altas horas, sem problemas.. Por coincidência, procurava no google, uma amiga que morava exatamente nesta casa ao lado da sapataria, n° 1193 a Srta. Ivone.. por onde andas? Já a sapataria, era de um amigo o Sr. Osmar Campezatto. Por onde andas?? Quem sabe algum deles poderá ver esse comentário e entrar em contato comigo

    Reply
    • Osmar Campezato 25/07/2013 at 15:06

      Olá Sidney a casa da esquerda ainda pertence a nossa familia, meu pai Sr. João ainda mora lá, aliás, desde que nasceu. Estou morando em Florianópolis a 30 anos e vou mensalmente visitar o pai. Um forte abraço. Osmar Campezato

      Reply