Brás

O progresso e a especulação imobiliária traz coisas curiosas para o nosso cotidiano. Uma deles é este grande sobrado da avenida Rangel Pestana que foi quase totalmente demolido, dos dois lados, só sobrando para contar história a sua parte central.

Construído pelos arquitetos Kogan & Zarzur em 1959 o prédio era conhecido pela sua arquitetura modernista e também pelos seus problemas. Possuia 25 pavimentos residenciais totalizando 600 quitinetes, além de térreo e sobreloja com unidades comerciais e, na cobertura, um magnífico auditório que já foi palco de shows de artistas famosos.