Se tem algo que aprecio muito em casas antigas, são os murais de azulejos que encontramos em algumas espalhadas pelos bairros paulistanos. Aqui mesmo no blog já apresentei diversos deles e sempre acabo encontrando mais. Tenho para mim dois interessantíssimos, como o da Avenida Paes de Barros e o do Vigilante Rodoviário em São Caetano do Sul.

Seguindo a dica de uma seguidora de nosso perfil do Instagram, Lima Mari, acabei por descobrir outro mural incrível e que apresento aqui para vocês, este fica na Vila Vermelha, zona sul da capital paulista:

clique na foto para ampliar

Confesso que fiquei longos minutos admirando assim que avistei o mural. A leitora que enviou a dica apenas disse que era um painel de azulejos em um imóvel meio abandonado. Ao me deparar com essa incrível representação do Museu Paulista e do Monumento à Independência do Brasil fiquei encantado com esse preciosidade.

O mural de azulejos está devidamente instalado sobre a porta de entrada principal do imóvel de número 240 da rua Max Berg. No passado este imóvel abrigou garagem e escritório de uma conhecida empresa de ônibus paulistana, a Viação Bristol.

Com toda a certeza o mural foi instalado quando o imóvel foi construído ou reformado em meados da década de 70. A data de pintura dos azulejos é de julho de 1976 e é obra do Atelier Artístico Sarasá, que ficava não muito distante dali no início da Via Anchieta.

Ao contrário de muitos ateliês de azulejos que atuavam em São Paulo no século 20, o Sarasá ainda se mantém atuante agora com sede no município de São Bernardo do Campo. Uma grata surpresa!

O IMÓVEL:

O pequeno prédio comercial onde está o mural (foto abaixo) com certeza já teve dias melhores. Atualmente está em péssimo estado de conservação e abriga vários ônibus do sistema de transporte coletivo paulistano que estão fora de circulação (por idade de frota ou como fiel depositário). De acordo com o segurança que vigia o local os veículos pertencem à Via Sul Transportes Urbanos.

A fachada encontra-se suja e vandalizada com inúmeras pixações, entretanto – felizmente – preservaram o painel que há pouco mais de quatro décadas encanta essa rua com uma cena típica paulistana e da história do Brasil.

Abaixo mais uma imagem do mural:

Conhece algum painel de azulejos interessante ? Envie o local para nós irmos conhecer e fotografar!

About the author

Jornalista, fotógrafo e pesquisador independente, edita o site São Paulo Antiga e é membro do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (IHGSP). Também edita o blog Human Street View, focado em comparações fotográficas entre a atualidade e o passado.

Deixe uma resposta

Comments

  • J.C.Cardoso 16/04/2018 at 15:08

    Curioso… o desenho no painel parece a nossa (aqui no Rio) Quinta da Boa-Vista, antiga residência da família imperial. Muito similar.

    Reply
  • monica camargo neves 16/04/2018 at 17:23

    Na Av Altino Arantes,Vila Clementino,tem uma loja do Pao de Acucar,que vimos ser construida bem rapidamente…Era uma casa grande,daquelas bem bonitonas,mas antiga,e foi demolida,mas o Pao de Acucar manteve o mural de azulejo!!!Nao moro mais em Sao Paulo-estou no litoral,mas creio que continua la sim!!!!

    Reply
    • Taylor 17/04/2018 at 17:58

      Você está correta Monica.

      Reply
  • Alexandre Fontana 16/04/2018 at 19:28

    Belíssimo este painel. Gosto muito deste tipo de trabalho.

    Reply
  • Claudia Moreira 18/04/2018 at 09:43

    Interessante, um belo trabalho!
    Na região da Vila Diva, zona leste, na avenida sapopemba, altura do 3649, resta uma casa muito charmosa e preservada, com piso de caquinhos, muro baixo com jardim de rosas, e na parde da garagem, há um painel de azulejos muito bonito. A casa, acredito, é uma raridade em meio à uma avenida que se tornou comercial, e com certeza, sua beleza e charme, a destacam das demais edificações locais. Vale à pena dar uma conferida!

    Reply
    • Douglas Nascimento 18/04/2018 at 10:33

      Adorei Claudia! Vou lá hoje à tarde para fotografar…

      Reply
  • Ezio Barioni 19/04/2018 at 17:17

    azulejos da Fortaleza de S. Miguel em Angola, sei que é do exterior, mas vê-los é maravilhoso. https://sites.google.com/site/azulejosdafortalezadeluanda/

    Reply
    • Douglas Nascimento 20/04/2018 at 08:37

      Muito legal! E os de Belém do Pará são maravilhosos também

      Reply
  • Daniel Pardo 20/04/2018 at 20:31

    Ainda hoje no Ipiranga podemos encontrar lojas desses azulejos antigos elas compram e vendem esse tipo de azulejo para quem está com alguma peça faltando em sua casa e/ou quer colocar um mural desses na parede.

    Reply
%d blogueiros gostam disto: