Um pequeno achado em um leilão de antiguidades: Uma caderneta repleta de poesias escritas entre 1907 e 1931. Conheça!