O Jardim São Paulo é uma região paulistana que nos últimos tempos estamos focando bastante na catalogação de suas casas antigas. Por ali há muita coisa interessante para se preservar e os achados tem sido ótimos.

Observem esta casa antiga fotografada na Rua Professor Fabio Fanucchi:

clique na foto para ampliar

Que a casa é encantadora isso não preciso nem dizer, afinal há todo um bom gosto na concepção da fachada, na porta de acesso com vidros em formato de losango, da cerâmica imitando tijolos e das plantas sempre bem cuidadas encontradas no jardim.

Mas a casa possui outros dois detalhes que dão um charme ainda maior a ela, você consegue dizer quais são ? Não ? Então a gente mostra pra você!

clique na foto para ampliar

Essa primeira curiosidade é bastante óbvia. Trata-se de um pequeno mural de azulejos pintados à mão no tradicional estilo português, onde se vê uma nau lusitana mar adentro, sendo que ela está ladeada por 4 cruzes da ordem de cristo.

Essa arte do mural não é exclusiva desta casa, já encontramos essa arte azulejada em outras residências da zona norte de São Paulo, como em uma casa que foi demolida na Avenida Guapira já publicada aqui e outra nas imediações da estação Tucuruvi do Metrô. Seria algo instalado pela construtora destas casas ou um adorno típico da época e que agradava especialmente portugueses e/ou descendentes ? Não sabemos.

E se os azulejos artísticos já são uma atração, veja só que legal encontramos instalado bem na ponta do telhado: um estatueta de um pombo.

De início ao observar as fotografias que tiramos pensamos se tratar de um ave, mas depois observamos que entre a primeira foto e a última tem quase 10 minutos e o pombo estava ali sempre estático e na mesma posição.

Decidimos então consultar o serviço Google Street View para observar outros anos da casa e notamos que o pombo realmente estava lá em todas as imagens. Muito interessante.

São detalhes como esses que nos dão ainda mais prazer de publicar essas casas.

O pombo no telhado é um detalhe gracioso desta casa

O GATO SUBIU NO TELHADO!

Quem acompanha o São Paulo Antiga vai lembrar de quando publicamos uma casa encantadora da Avenida Rebouças que tinha duas esculturas em um dos cantos do telhado, onde um gatinho tentava alcançar uma pomba (foto acima). Infelizmente aquela casa foi abaixo, mas o registro está em nosso site.

Sobre o autor

Jornalista, fotógrafo e pesquisador independente, é presidente do Instituto São Paulo Antiga e membro do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (IHGSP).

Deixe um comentário!

Comentarios

  • Tony Costa 08/05/2020 at 14:33

    Casa Lusitana. Bem cuidada, azulejos artisticos em tom azul sao uma tradicao Portuguesa. Ainda mais na Zona Norte…

    Deve ser Continental. Os Acoreanos e seus descendentes estao mais para a Zona Leste, do Carrao ate o Parque do Carmo.

    Reply
  • Marcelo Bruno Rodrigues 08/05/2020 at 16:41

    Bonita mesmo esta casa; valeu pela postagem, Douglas!

    Reply
  • Marcia Grassi 08/05/2020 at 20:11

    Coisa mais linda!

    Reply
  • Ervin Moretti 09/05/2020 at 01:39

    Linda casa e linda matéria. Com informações importantes e curiosas

    Reply
  • Séfora 09/05/2020 at 14:07

    Adorei. E ainda por cima é de esquina o que dá mais charme!

    Reply
  • Bolívar Pinta Júnior 09/05/2020 at 19:54

    …/… excelente registro … grato pela menção aos detalhes .

    Reply
  • Paulo Clístenes Vieira da Silva 14/05/2020 at 16:55

    Uma casa muito bonita, térrea, parece ser aconchegante, e dá até vontade de morar!

    Reply
  • William Lima 15/05/2020 at 00:19

    E as tradicionais placas de rua esmaltadas azul, pra fechar o pacote…

    Reply
  • roberto 24/05/2020 at 09:58

    descobri este site hoje. Gostei demais!!

    Reply
  • Madson 30/06/2020 at 19:35

    Linda residência, como devia ser gostoso ou ainda é morar nela !!

    Reply
  • Mário Sérgio Rodrigues Balbino de Oliveira Paschoal 14/07/2020 at 12:57

    Eu me lembro dessa casa na Rebouças, eu sempre ficava encantado quando via!

    Reply
  • Mário Sérgio Rodrigues Balbino de Oliveira Paschoal 14/07/2020 at 13:03

    Gostaria muito de saber se há algum registro histórico de um único sobrado no Largo Boneville, antigo Largo São Sebastião, em Sto Amaro, (faz lateral com a Al Sto Amaro. Sei que o prédio é testemunha de muita coisa, mas apesarde mal conservado, está a muito tempo em pé, o que me parece ser tombado. Ele é testemunho da formação da cidade, haja vista que o ex-município de Sto Amaro é mais antigo que São Paulo, e foi nele, às margens da represa Guarapiranga, que iniciou-se o primeiro grupamento para a lutar na Revolução constitucionalista. Acredito que o prédio é testemunha da antiga ponte do Lgo do Socorro, de madeira, por onde passavam boiada! è testemunho vivo da história da cidade.

    Reply
%d blogueiros gostam disto: