Imóveis Antigos

Casarão: Av. Brigadeiro Luís Antônio, 1573

Comments (36)
  1. Moro a dois quarteirões dessa casa. Faz quase quatro anos que moro lá, e ele está abandonado no mínimo desde então. Aparentemente, seu estado não piorou, ao menos no que se pode ver do lado de fora. Sobre estacionamento na região, não sei se esse é o problema. Tudo bem que em dias úteis os quarteirões próximos ficam razoavelmente cheios, mas não é impossível de se conseguir vagas na rua (é só difícil) e os estacionamentos das redondezas são relativamente baratos.

  2. fabio disse:

    eu odeio esse site(mentira)
    a cada casa abandonada eu me sinto triste. mais não consigo para de ler.

  3. Clelia Person Lammardo disse:

    Toda vez que desço a Av. Brigadeiro e entro na Rua Santa Madalena, em direção à Av. 23 de Maio, diminuo a velocidade do carro e admiro a beleza desse casarão. Sempre faço mentalmente uma viagem no tempo e me insiro na história da época de seu apogeu. Imagino a Rua com as pessoas caminhando, pouquíssimos automóveis, nenhuma poluiçao, muita segurança, pouco barulho. Que saudade de um tempo que não vivi!

    1. Felipe Herculano disse:

      Faço o mesmo que você Clelia.
      Faço um filme mental toda vez que passo por casarões e coisas antigas… =)

      1. Ana Paula Knust disse:

        Moro na Martiniano de Carvalho e por vezes subo a Brigadeiro para ver esse Casarão. Queria eu ter a oportunidade de compra-lo e preserva-lo, uma vez que nossos governantes não estão preocupados com a memoria da nossa cidade.

    2. Gama disse:

      Que saudade desse tempo que vivi ! Poucos perigos, andávamos à pé ou esperávamos um ônibus 23h00 meia-noite sem nos preocuparmos ! Até os ladroes temiam a Deus, não eram muito malvados!

  4. Eduardo Cabús disse:

    Bom dia

    Acho o site de vocês ótimo acredito que poderia ser mais abrangente
    Sei que isto resulta em trabalho no entanto o retorno seria bem maior Acredito até que poderia ser cobrada uma taxa pelas informações
    Eu moro no Rio estive em São Paulo , vi algumas casas da Av Brigadeiro mais não consegui chegar até o dono Fiquei interessado em varias das casa que vi abandonadas para comprar uma delas com o objetivo de restaurar a fachada e alterar a parte interna e transformar em um espaço cultural nos moldes que tenho no Rio de Janeiro (a do Rio é em uma casa de 1891 com a fachada totalmente restaurada)
    Se o site tivesse um arquivo dizendo quem é o dono, se a prefeitura
    permite a alteração interna com base no que vai ser instalado no imóvel, quanto o proprietário esta pedindo e principalmente se a documentação está em ordem ajudaria os interessados na compra e restauração de tais imóveis
    Não encontrei em São Paulo nenhuma imobiliária especializada neste tipo de imóveis, com cadastro dos mesmos e as informações indispensáveis
    Desde já obrigado
    e parabéns pelo site
    Eduardo Cabús

    1. Yara disse:

      Eduardo Cabús.
      Tenho uma dica para que encontre o dono do imóvel Brig.Luiz AntonioXRua Sta. Madalena.
      Tenho um carinho muito especial por esse imóvel e gostaría de vê-lo restaurado.
      Você conhece o Exercito de Salvação (Igreja)?
      Lá eles tiveram seu Quartel General por longos anos. Hoje estão na Rua Taguá – Bosque da Saúde/SP, infelizmente não sei o número, mas se chegar até essa rua, qualquer pessoa do lugar lhe apontará o local; ou procure pelo Google:- “Exercito de Salvação” e conseguirá o telefone ou site do novo quartel.
      Espero e vou torcer muito para que dê certo. Boa sorte!

    2. Yara disse:

      Perdoe-me Eduardo Cabús o endereço correto é:-
      Rua Juá esquina com Rua Bertioga – Bosque da Saúde – SP/SP

  5. celso swartele disse:

    Trabalhei neste casarão em 1980 até 1989, foi meu primeiro emprego. Anterior a clinica, pertenceu a instituição filatrópica de Exercito de Salvação. Ao vêr as fotos me trouxe ótimas recordações. É uma pena a falta de conservação. Se quiserem tenho uma foto de 1980 deste casarão, quando estava em perfeitas condições de uso.

    1. Yara disse:

      Celso, como disse ao comentarista anterior, interessado em restaurar, que deverá procurar o Ex.S. pois acho que terá como encontrar o dono…não?
      Abraços.

  6. Analinha disse:

    Esse casarão foi a sede do Exército da Salvação durante muitos anos. Meu pai como oficial dessa entidade trabalhou ai no minimo entre 1961 até 1970. Logico que entrei nesse lugar e me admiro vê-lo abandonado.
    Papai além de trabalhar na parte administrativa cantava musicas com textos sacros e era muito querido e apreciado no meio evangélico em geral. Nas Panelas de Natal, campanha para arrecadar fundos para o Natal dos pobres, cantou varios anos em frente ao grande Mappin, Viaduto do Cha, Largo do café onde fazia parte integrante da paisagem natalicia de S.Paulo. Quem viveu e trabalhou no centro de S.Paulo nessa época talvez se lembre.Uma figura carismatica. No you tube algumas de suas canções são encontradas Paulo Bastos.

    1. Greslé André disse:

      Foi um prazer de trabalhar um ano com teu pai neste quartel general. Os nosso escritorios estavam juntos. Ele era o responsavel pelo brado de guerra . Um dia falei para ele que era facil de fazer o jornal. Ele me diz entao vocé vai fazer o proximo numero.Assim foi feito e para uma semana na minha vida foi o redator do brado de guerra em 1964 !

      1. Analinha disse:

        Anedotas interessantes com o passar dos anos. Ele nem poderia imaginar que tantos anos depois seu colega e sua filha estariam discutindo sobre essa casa “Quartel Territorial do Exército da Salvação no Brasil e isso desde Paris! Graças a essa nova tecnologia que na época nem imaginavamos e graças ao interesse de quem abriu esse site por amor à arquitetura antiga em São Paulo. Eu amei entrar nesse site porque serve de fundo às minhas lembranças de criança e adolescente nessa grande capital. E de acompanhar os sentimentos dos que vieram depois referentes a essas construções e época. O que eles pensam…

        Meu desejo é que as pessoas que ai vivem hoje reconheçam e preservem o que ainda existe de belo , memoria de nossos antepassados. Um museu vivo!
        Obrigada André pelo “coucou” através dessa mensagem.
        Feliz Ano Novo para os “donos” do site e todos os seus fãs desde Paris!

  7. Claudio Humberto disse:

    Bons tempos em que era sede do Quartel Nacional do Exército de Salvação. Quantos colegas oficiais e salvacionistas passaram e trabalharam aí, inclusive meus pais Majores Humberto.

  8. Jefferson Eduardo disse:

    Eu gostaria de saber mais sobre um casarão enorme que fica numa outra esquina desse cruzamento, com placas de “vende-se” e todo emparedado. Ouvi dizer que foi um hotel.

    1. Olá Jefferson, como vai ?

      Este que você se refere trata-se mesmo de um ex-hotel. Procure aqui no site e você irá encontra-lo.
      Abraços

  9. Estive aí dentro na minha infância nos anos 80, na época da clínica médica. Do outro lado da rua tem um hotel que está ainda pior, já sem telhado… Fui morador da Brigadeiro Luiz Antônio por 13 anos e vi ela e suas lojas fechando aos poucos (a começar pela Casa Centro), enquanto carros e ônibus passam velozmente, só querendo chegar ao centro ou à Avenida Paulista, sem sequer olhar pros lados. Vamos ver se a futura estação da Linha 6 do metrô revitaliza esse lugar!

    1. Analinha disse:

      Interessante as funções desse casarão: tratamento da saude espiritual(Exército da Salvação) e depois tratamento da saude do corpo (clinica médica).
      Nos dois casos cuidando de pessoas!

      1. Eliana Martins disse:

        Agora está este casarão está sendo reformado para um futuro Mc Donnalds! Uma reforma imensa, uma vez que foi destruído depois se ser invadido. Os invasores ao sair levaram toda a madeira , torneiras e tudo o que era possível vender. Foi triste e muito complicado tirá-los de lá. Muitas famílias com crianças, mas virou ponto de drogas e aí não havia mais jeito de conviver.

  10. Tamara disse:

    Estão reformando o casarão. Moro próximo e há uns 2 meses vejo homens trabalhando e materiais de construção. Não sei o que estão fazendo nem o que será no lugar.

    1. Yara Mattos disse:

      Parece-me que funcionará uma loja Mac Donald’s Tamara.

  11. Mariana Araujo disse:

    Atualizando…pela foto do Google mapas dez/2014, permanecemem estado de abandono e sofreu lgumas pichações.
    É um pena porque é um imovel muito bonito….

  12. Douglas disse:

    Estão reformando o local, vamos aguardar para ver o que será;

  13. Moro na rua Santa Madalena , ele está sim sendo reformado e como vocês ,fiquei curiosa para saber qual seria seu destino a informação que tive é sim que será…… Creche da Prefeitura.. . Achei ótimo !!! Pelo menos está sendo bem cuidado.

    1. Gama disse:

      mais uma vez ele tera sua missão de “cuidar” de pessoas ! Muito interessante !

  14. Laryssa disse:

    Peço que tirem novas fotos em breve, pois esse imóvel que já era bonito está ficando lindo!!!! Merece ser divulgado.

  15. Marcelo Bruno Rodrigues disse:

    Admirável é o jogo de telhados que possui, é como se fosse concebido numa forma artística de reação em cadeia. Estou ansioso para ver as fotos novas, que poderão vir sob sugestão da Laryssa.

  16. Vanessa Franco disse:

    Boa Tarde pessoal , estava lendo relatos sobre este imóvel e fiquei muito feliz em saber que existem pessoas que o admiram e que na verdade, hoje em dia ainda com toda nossa correria parem para observar e admirar , bem eu sou a responsável pela locação e conservação deste imóvel que esta sendo restaurado , estamos quase nos finalmente e sim como nossa colega disse será uma linda Creche para a tender nossos pequenos , estamos preservando toda a fachada sem mexer em sua originalidade e houve restauração em toda a parte interior preservando ao máximo como era antigamente , esta ficando lindo ! Bom é isso ! Um agraço a todos !

    1. Analia Goueste disse:

      Muito obrigada Vanessa em nos dar essa grande satisfação, de finalmente conhecermos o futuro do dito e tao comentado casarão. Estávamos todos ansiosos para saber qual função lhe estava sendo reservada agora, ja que soubemos que obras tinham sido iniciadas ha pouco tempo . Creche , que lindo ! Esse lugar tem sido abençoado, pois sempre servindo de sede para um trabalho relacionado com o bem-estar de pessoas; so pode dar certo !
      Alguns de nos conhecemos o casarão por dentro pois tínhamos algum parente que ai trabalhou! No meu caso eu entrei nesse lugar até meus 19 anos ! Faz muito tempo… tenho 65 hoje ! Passei por ai para uma visita rápida, em 1987 ou 88 . Tudo sempre parecido até entao. Foi a Yara (acima comentando) que teve a gentileza de me fazer descobrir o Site SP Antiga … amo tudo que é antigo. Restaurado e não destruído; pronto para mais uma nova etapa de sua vida: <>
      Desejo para você e todos implicados nessa Creche muito sucesso e felicidades !
      Analinha

    2. Analia Goueste disse:

      PROIBIDO ?

      1. Analia Goueste disse:

        esses sinais, nao sao aceitos pelo sistema ? E fazem ignorar o que esta escrito dentro ?

  17. Cláudio Humberto disse:

    Parabéns Vanessa, faz tempo que não passo ai pois sou de Suzano, e estou curioso para ver como vai ficar pois meus pais trabalharam aí neste local por um bom tempo. Se der publique fotos e desejo sorte no negócio. !

  18. Vinicius Campoi disse:

    Parabéns Vanessa pela iniciativa, muito sucesso na sua creche!

  19. wanderland disse:

    Parabens, agora so falta alguem se interessar pelo imovel do outro lado da rua!

  20. Marcelo disse:

    O primeiro passo foi dado: o que é preciso, como Wanderland escreveu, “alguém se interessar pelo imóvel do outro lado da rua”. Acresço: este interesse tem de ser com consciência de valor histórico e preservação, embora esta as autoridades devessem fazer incentivos, como fazem minha terra, Rio de Janeiro: isenção de imposto predial territorial-urbano (vulgo IPTU). Na Europa, quando há interesse pela restauração e preservação dum imóvel histórico, os moradores/inquilinos entram com 10% do total e o governo com os restantes 90%.

Deixe uma resposta

Publicidade:

SP ANTIGOS

Nosso Instagram: @saopauloantiga
Something is wrong. Response takes too long or there is JS error. Press Ctrl+Shift+J or Cmd+Shift+J on a Mac.