Demolido em 2011, o Edifício Mercúrio era localizado diante do Mercado Municipal da Cantareira, o popular Mercadão.

Crédito: Douglas Nascimento / São Paulo Antiga

O Mercúrio era um antigo arranha-céu da região central da cidade de São Paulo, que esteve interditado por dois anos antes de ser finalmente demolido, juntamente com seus vizinhos, os edifícios São Vito e Francisco Herrerias.

Inaugurado em 1957, o Edifício Mercúrio foi um gigante de 24 andares e 140 apartamentos que é vizinho de outro edifício famoso e já retratado aqui, o São Vito. o anúncio abaixo, de 1952, é possível ver seu projeto ainda com o nome original, D. Pedro II.

Nome acabou sendo mudado de D.Pedro II para Mercúrio

Veja outras fotos deste prédio (clique na miniatura para ampliar):

About the author

Jornalista, fotógrafo e pesquisador independente, edita o site São Paulo Antiga e é membro do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (IHGSP). Também edita o blog Human Street View, focado em comparações fotográficas entre a atualidade e o passado.

Deixe um comentário!

Comments

  • Dani 30/03/2010 at 10:50

    Concordo com seu ponto de vista, até pq o lugar ali não é tão lindo para virar uma praça. Praças cercadas ja tem as pencas próximo a antiga prefeitura e só serve para casas de lona dos moradores de rua. Acho que esse prédio deveria ser reformado (se é q a estrutura ainda presta) e virar moradia popular. Mas claro tudo legalizado, vendido e tal.

    Praça, pra que? se ninguém nem cuida depois?!

    Reply
  • André 31/03/2010 at 13:05

    Achei interessante este efeito arquitetônico que existe no topo do edifício.

    Reply
    • shiraby 69 05/08/2015 at 07:39

      para de viajar e pensa em quem foi despejado mané

      Reply
  • Babi 05/07/2010 at 23:42

    Se virar praça só se for da cracolandia…

    Reply
    • andre lucas 05/08/2015 at 07:38

      comentario otario nada construtivo pessimista isso é falta de vergonha na cara do governo

      Reply
  • borges 14/08/2010 at 12:52

    nossa, pela foto parece q sao vito e mercurio são um único prédio.

    Reply
  • Tadeu Carnevalli 09/10/2010 at 17:02

    Muito interessante, é muito bonita essa construção, lamentável ter ficado neste estado.

    Reply
  • Roberto Racciatti 10/10/2010 at 17:44

    Estou de acordo que seja transformado em praça, devido ao alto grau de deterioração e a ocupação por usuários de drogas, além do custo estratosférico que teria para reforma-lo, incluindo sua estrutura.

    Reply
  • Flavio Calheiros 17/10/2010 at 17:31

    Quem o construiu… e porque o pedeu???

    Reply
  • Mario Gloser 07/11/2010 at 19:00

    Falta lugar e os caminhões do mercado ficam atrapalhando o trânsito, mas ao invés de transformar o local em algo como um estacionamento, que ajudaria inclusive a melhorar o transito local, vai virar mais uma praça para ser sub-utilizado, exatamente igual ao espaço próximo a esse, onde fica o antigo gabinete da prefeitura de SP…

    Reply
  • Wagner 24/11/2010 at 11:31

    Em 1980, Quando minha mãe me levava a Zona Cerealista, eu observava o S.Vito e o Mercúrio, naquela época o edifício São Vito já estava em processo de degradação visual, porem o Mercúrio não era mal frequentado, com o passar dos anos, os problemas do S.Vito extenderam-se para o Mercúrio também, porem estruturalmente o Mercúrio possui possíbilidades de restauração e custo menor (é viável), mas o S.Vito não, e como os dois prédio são muito próximos não há como implodir um sem compremeter estruturalmente outro, é uma pena, pois o Desenho Arquitetonico do Mercúrio é muito Bonito.

    Reply
  • AUGUSTO 15/12/2010 at 19:02

    É UMA PENA…AMBOS ARRANHA CEUS PODERIAM SER RESTAURADOS, MUITOS APARTAMENTOS EM REGIAO CENTRAL, MOREI NO ULTIMO ANDAR DO SÃO VITO, NOS ANOS 80, SAUDADES….AGORA..MAIS UMA PRAÇA PRA VIRAR CRACOLANDIA, MORO NA 9 DE JULHO, FUTURA CRACOLANDIA TAMBEM…ALIAS COM ESSE GOVERNO , TUDO ESTA SE TRANSFORMANDO EM CRACOLANDIA…

    Reply
  • BIA 15/12/2010 at 19:03

    MAIS UMA PRAÇA CHEIA DE COCO, MERDA, MIJO E CRACK..PARABENS GOVERNADORES, EPNAS QUE VCS NAO MORAM NO CENTRO

    Reply
  • Gustavo 18/01/2011 at 10:28

    Uma vez um amigo disse que SP capital seria a nossa Paris brasileira…
    Mas ao observar ss fotos e as matérias desse site eu pensei se a verdadeira Paris andaria triste e esquecida em sua história como SP.
    Infelizmente brasileiro tem mesmo uma memória curta e quanto mais curta ela parece se manifestar, “melhor”.
    Na Europa, as metrópoles convivem com o moderno e o antigo; já aqui, o antigo foi condenado há tempos.
    Quem sabe assim seja mesmo “”melhor””.
    Abraços a todos.
    PS: sou goiano mas adoro SP em todos os seus aspectos, rs…

    Reply
  • MARCELO RIBEIRO 12/04/2011 at 13:19

    O centro de São Paulo precisa melhorar. Se você visita Roma, Paris, NY, e outras grandes cidades, elas têm no seu centro, um atrativo cultural, gastronômico e turístico. São Paulo sempre teve essa vocação. Para recuperá-la é necessário que bons restaurantes, boas casas de espetáculos, museus e outros se instalem no centro, e as residências não destoem, precisam também ser de boa qualidade.

    Reply
  • marcinha 28/04/2011 at 01:01

    tanto se falou q não teria como implodir o s.vito e deixar o mercurio assim os dois foram condenados edestruidos,mas não houve a implosão foram destruidos andar a andar por maquinas e serviço braçal mesmo pq “era mais seguro”. se é assim ja q não houve implosão não precisava demolir os 2……….agora mais uma praça pra mais criminalidade, e mais pessoas desabrigadas eviva a democracia e aos belissimos governantes…… como disse o amigo acima o moderno poderia mto bem conviver com o antigo, custaria caro sim mas dava outro destino como museu ou algo q fosse patrionio, mtas coisas em sp custam caro e a população não vem em q……..

    Reply
    • Tiago 07/11/2012 at 02:07

      E a tal praça, não sou a favor da mesma… Mas já que demoliram tudo, cade a praça!!!
      Até agora só estou vendo uma “praça de guerra”, passo lá diariamente e temos um grande, triste e feio nada!!! Formado de cacos de ignorância e despreso…

      Reply
  • Condomínio Julia Cristianini — São Paulo Antiga 28/04/2011 at 11:02

    […] marcinha: tanto se falou q não teria como implodir o s.vito e deixar o mercurio assim os […]

    Reply
  • Danilo 11/05/2011 at 16:05

    Pois é não é, tanto o São Vito como o Mercúrio poderiam ser reformados para dar moradia a cerca de 3 mil pessoas, mas o que acontece é que os políticos pedem seu voto prometendo o melhor pra todos depois vem despeja seus moradores derrubam e ainda ficam rindo do povo que deu seu voto pra eles cambada de sem vergonha.

    Reply
  • Hudson 15/08/2011 at 01:38

    Todos os prédios antigos abandonados devem ser recuperados pelo poder público. Esses edifícios constituem o patrimônio arquitetônico e cultural de São Paulo. As autoridades gastam milhões para erguer o Itaquerão para a Copa 2014 e abandona o patrimônio artístico-cultural. Todos esses prédios podem ser recuperados e a área em torno ser revitalizada. A maior cidade do Brasil deve colocar dinheiro público para preservar sua cultura. Investir na recuperação de toda essa área degradada é investir no patrimônio artístico-cultural. País desenvolvido preserva sua memória, sua História, sua cultura. Seria uma grande burrice demolir esses edifícios degradados e mais burrice ainda é a continuidade do abandono e o uso por drogados. O dinheiro público pode sim ser investido em prol da memória, cultura, revitalizando toda área e atraindo empreendedores, gerando empregos, assim toda a região voltará aos bons tempos.

    Reply
  • luis sperati 22/10/2011 at 03:37

    estes dois predios ja foram demolidos por completo no mes de setembro de 2011 junto com a antiga rodoviaria e outros imoveis proximos vamos ver o que vao construir no local o proximo vai ser a antiga estação de trem do pari que esta ali proxima…que pena!!!!!

    Reply
  • Vinicius Campoi 07/11/2012 at 13:26

    Em vez de praça, o que ao menos ajudaria a amenizar o problema da impermeabilização do solo, ilhas de calor, etc, a prefeitura fez um enorme estacionamento zona azul na área. Um deserto de asfalto sem um pedacinho de verde sequer.

    Reply
  • Antonio Marcos Rudolf 08/05/2015 at 16:13

    Nesse local será construída uma unidade do SESC, o que será muito bom para dar um pouco de revitalização nessa região que foi criminosamente negligenciada pelo poder público, há décadas. Imaginem se tivessem preservado o Parque Dom Pedro como era, teríamos um outro Ibirapuera ligando o centro e o início da zona leste. Nós tínhamos um Hyde Park e não sabíamos.

    Reply
%d blogueiros gostam disto: