Esquecida em Cubatão fica uma das mais antigas estações ferroviárias do Estado de São Paulo, cuja abertura foi no mesmo ano da ferrovia São Paulo Railway (SPR).

Havia muita expectativa para o movimento ferroviário local, tanto que a primeira estação foi considerada muito pequena para a região, sendo logo demolida no ano seguinte para dar lugar a uma nova mais apropriada para Cubatão. Esta mesma estação, por sua vez, seria mantida até meados da década de 50(*1) quando seria substituida pela terceira e atual estação ferroviária.

Estação de Cubatão em 1967

Estação de Cubatão em 1967

Com o fim dos trens de passageiros, em 1995, a estação de Cubatão entrou num lento declínio que persiste até os dias atuais. Mesmo com a transformação da velha parada em uma instalação municipal, é visível que ela não vive seus melhores dias.

Passarela e estação (clique na foto para ampliar).

Passarela e estação (clique na foto para ampliar).

As plataformas da estação vistas através da passarela (clique para ampliar).

As plataformas da estação vistas através da passarela (clique para ampliar).

Das duas plataformas que compõem a estação, apenas a mais próxima à avenida 9 de abril está conservada. No local, funciona a “Estação das Artes” um órgão cultural da prefeitura, enquanto isso, a plataforma do outro lado sobrevive meio que à própria sorte em uma situação que beira o abandono total.

Já a passarela de ferro, centenária, sobrevive em péssimo estado de conservação. Apesar de ainda ser transitável, e utilizada com frequência por famílias que residem do outro lado da via férrea, os anos sem qualquer manutenção apresentam pontos com bastante ferrugem. A passarela é em estilo padrão que é encontrado por todo o leito da antiga SPR, como as que já catalogamos na Mooca, Brás e na Estação de Campo Grande.

clique na foto para ampliar

clique na foto para ampliar

clique na foto para ampliar

clique na foto para ampliar

Se por um lado ver a estação tendo vida como um centro cultural é algo positivo, por outro lado é realmente uma derrota para os paulistas ver estações como esta e tantas outras não funcionarem com sua função original, que é o transporte de passageiros. E ainda há as que nem outras funções tem.  Apesar do transporte de pessoas há muito ter sido suprimido, por ali diariamente passam trens de carga.

(*1) Fonte: Segundo o pesquisador Ralph Giesbrecht no site Estações Ferroviárias

Galeria de Fotos 1 – Estação de Cubatão (clique na miniatura para ampliar):

Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento

Galeria de Fotos 2 – Passarela (clique na miniatura para ampliar):

Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento
Foto: Douglas Nascimento

Saiba mais sobre a Estação de Cubatão no site Estações Ferroviárias, clicando aqui.

About the author

Jornalista, fotógrafo e pesquisador independente, edita o site São Paulo Antiga e é membro do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (IHGSP). Também edita o blog Human Street View, focado em comparações fotográficas entre a atualidade e o passado.

Deixe um comentário!

Comments

  • fernando 20/08/2014 at 17:51

    amei a reportagem…sou um entusiasta ferroviário…parabéns,será que foi porque comentei que gosto da historia das ferrovias e dos barões do café?….é tudo de bom …parabéns continuando cada vez melhor.

    Reply
  • Carlos Gama 20/08/2014 at 21:54

    Bate uma tristeza imensa, Douglas. O peito aperta e as lembranças viajam para os anos de 1964 e 1965, quando eu viajava a cada quinze dias de Santos para São Paulo, sempre de trem. Algumas estações são marcantes, como a do Valongo, a de Cubatão e a de Paranapiacaba. Vamos destruindo tudo, com a nossa indiferença e com a nossa pobreza de espírito e de memória.
    Tenho muitas saudades também das estações da Sorocabana (a da avenida Ana Costa, em Santos ainda está em pé e conservada, por conta do tombamento). Há ainda alguns resquícios de outras “paradas”, a de Nova Peruíbe ainda tem a plataforma e o telheiro.

    Reply
  • ana lupo 22/08/2014 at 20:59

    não só a estação de Cubatão esta no abandono,acima esta a funicular que subia a serra até paranapiacaba,que foi uma obra que contribuiu para o desevolvimento de São Paulo,está em estado latimavél

    Reply
%d blogueiros gostam disto: