Artigos

Eugênio Prati – Entre fotos e túmulos

Comments (9)
  1. Ariane Corral disse:

    A maioria das pessoas encaram os cemitérios com discriminação, poucas pessoas reconhecem esto local como patrimônio cultural. Glaucia, obrigado por valorizar as necrópoles paulistanas!!! Parabéns pela matéria!!!

  2. Renata disse:

    Os cemitérios de São Paulo são muito ricos.As esculturas são muito bonitas.
    Dá para se notar claramente que nas fotos de 1940 a visão da cidade era muito mais limpa, apenas com casas.

  3. Marcelina disse:

    Os cemitérios abrigam um acervo que merece nosso cuidado, estudo e reflexão, atitudes como a da historiadora Gláucia nos enche de ânimo e certeza de que é possível chamar a atenção do público, em geral, e das autoridades para o maior cuidado com estes lugares.

    1. Arthur disse:

      Eu infelizmente nunca mais voltei a ir aos cemiterios mas aguardo o momento certo e assim voltar a observar as obras da arte tumular.Aguardo resposta…

  4. Rochelle disse:

    Gosto de arte!
    E me encantei com a arte cemiterial!!!
    Para quem gosta do tema pode conferir algumas fotos que fiz para o meu trabalho de conclusão de curso Fotografia Documental de Arte Cemiterial neste link http://www.flickr.com/rochellemassinhan

    Adorei o artigo sobre o Eugenio Prati!!!

  5. Rogerio disse:

    Glaucia, Excelente o seu trabalho.
    Gostaria de lhe recomendar algumas sepulturas no Cemitério do Araça em SP.
    Precisamente próximo da administração central (dentro do cemitério).
    Não visitei ainda o cemitério da consolação para comparar com as do araça. Embora não seja uma concorrência agora (no passado foi), vi algumas no araçca que são de tirar o folego devido ao capricho e ao tamanho.
    Gostaria de lhe recomendar tirar fotos desse túmulos (se já não o fez).
    Recomendo dois em especial, um deles conta a história de um imigrante italiano, onde tem as passagens em bronze sobre a vinda dele até o brasil.
    E um outro de um garoto com cerca de 6 anos (existe inclusive a foto dele na cripita, onde ele está em um tricículo da época). tem também uma capela na parte de baixo do monumento ali levantado para ele.
    Algo que só o amor dos pais pode ter feito. Pela data é de 1920.
    Obrigado e espero ter indicado algo.

    1. Glaucia disse:

      Olá Rogério…
      Conheço o túmulo mencionado que está próximo da administração do Cemitério do Araçá. Ele é conhecido como o túmulo “história em quadrinhos” bem interessante por sinal, pois narra a trajetória do adolescente que veio para o Brasil. O outro que vc mencionou não o conheço.
      Qdo tiver com um tempinho, vá ao Cemitério da Consolação, é simplesmante maravilhoso!!!

      1. léia gilioli disse:

        por favor gente cade a obra de eugenio prati da cidade de jahu?

        1. Léia, o foco da matéria é a obra de Prati no Cemitério São Paulo.
          Abraços!

Deixe uma resposta

Publicidade:

SP ANTIGOS

Nosso Instagram: @saopauloantiga