Artigos

Hospital e Cemitério de Animais no Ibirapuera

Comments (23)
  1. Luiz Rossi disse:

    Nossa, interessante! Li os dois textos e já já irei contribuir, amo animais!
    Bom, vendo o Google Maps, dá a entender que onde é hoje o estacionamento do parque podia muito bem ter sido o cemitério dos animais.
    Ah, e interessante também que a associação era muito próxima do antigo Matadouro e do Instituto Biológico.
    Douglas, vocês está de parabéns!

  2. J.C.Cardoso disse:

    Quando a palavra “zoófilo” ainda não tinha maldade…

  3. OSWALDO SANSONE RODRIGUES disse:

    Salve! estou com 84 anos e lembro-me desse cemitério. Anos atrás o Geraldo Nunes lançou na antiga Radio Eldorado o programa São Paulo de Todos os Tempos” e simultaneamente via Internet o “VIVASP” onde muitos puderam relatar momentos e “casus” vivenciados na São Paulo distante. Participei com vários relatos e entre outros o “Cemitério de Cães e Gatos” “Prefeito Gravata Borboleta” etc… Há grande probabilidade do lançamento de um livro com os relatos mais pitorescos daquele Site. Acesse o blog MNHAS LEMBRANÇAS
    http://www.vooswaldosansoneodrigues.blogspot.com
    onde além dos que mencionei, poderão ler outras narrativas do cotidiano entre 1936 a 2010.
    Oswaldo Sansone Rodrigues.

    1. OSWALDO SANSONE RODRIGUES disse:

      Salve! CORREÇÃO No meu comentário mencionei incorretamente o acesso ao meu blog – omiti uma letra –
      favor anotar o correto: http://www.vooswaldosansonerodrigues.blogspot.com obrigado Oswaldo Sansone Rodrigues

  4. vangreyheart disse:

    Rica matéria. Gosto muito deste tipo de jornalismo e memórias, obrigada!

  5. iracema disse:

    Amei saber que a tanto tempo atrás já existiam pessoas que se importavam com nossos anjos de 4 patas .Parabéns pela matéria .

  6. Marli S. Moreira disse:

    O Cemitério para Cães e Gatos ficava na área do já existente na época, Parque Ibirapuera. Com entrada pela Avenida França Pinto, quase esquina com a Avenida República do Líbano, ao lado do Bairro Vila Nova Conceição, onde eu residia. Também dentro do Parque Ibirapuera, bem próximo ao Cemitério havia um grande espaço para treinamento e adestramento de Cães Pastores da Polícia Civil. Passei minha Infância e adolescência por ali e visitava sempre o Cemitério que era muito bonito.( Anos 50/60/70 ).

  7. E com esse post contando a destruição do cemitério de animais, constatamos desde sempre que o “Brasil sempre brasiliza”.

  8. Luiz Antonio Paiga disse:

    Douglas só ha um pequeno engano. O cemitério e o hospital ficavam na Av. Quarto Centenário, ficou lá até 1972, quando houve uma reforma no Parque Ibirapuera e foi construida a pista de cooper.
    O Prefeito Figueiredo Feraz morava na Praça chamada Largo Mestre de Aviz quase em frente ao hospital.
    Era pintado de verde claro. Eu morava numa travessa dessa praça e ia todos os dias ao Parque e tinha que passar em frente ao cemitério. Fui morar no Jardim Luzitania em 1963 e por isso sei bem da historia.
    Os meus avós moravam na Rua França Pinto 280 e tenho certeza que não havia nenhum hospital veterinário lá. Tinha o DAE (Departamento de aguas e Esgoto de São Paulo)
    Abraços

    1. O numero 400 que informamos se refere a antes da mudança da contagem de numeração. Não é próximo do 280 que você se refere pois essa numeração 400 é da década de 20 e equivale a 2mil e pouco atual, que não existe mais. Mantemos nossa informação por estar correta. Abraços.

    2. SavianoMarcio disse:

      Interessante que eles aparecem em mapas de 1926, bem antes do parque ser criado, até 1957 e era nesse local que você indicou, a 4°Centenário era continuação da França Pinto ante de ter o nome alterado, mas fiquei na dúvida sobre esse n°400 de onde ele começava.

  9. douglas , a cruz ainda esta la , e uma piramedezinha ” do pinguim ” tb esta por la se quizer fotos eu vou tirar la para vc postar ai

    1. Sim, eu sei… estivemos lá e fotografamos. Amanhã, quarta, contaremos sobre eles em outra matéria especial.

      1. Inês disse:

        Escondidinho no Ibira ainda a lembrança do pinguim, grata por de novo sanar minha curiosidade sobre quem teria enterrado pinguim lá com tanto carinho e respeito.

  10. E os dois únicos túmulos que restaram, fica onde e tem um porque especial?

    1. Amanhã, quarta, contaremos sobre eles em outra matéria especial.

  11. SavianoMarcio disse:

    Só para saber, esse cemitério seria uma aérea quadrada de ficava de frente para a quadra das rua Pedro de Toledo e Av. Sagres? Se for ela aparece no site Geoportal nas imagens aéreas de 1958.

  12. Parabéns, as matérias são sempre muito surpreendentes, quanta historia! eu não fazia idea…
    abçs…

  13. Maria da Graça disse:

    Parabéns pla matéria, moro no RJ mas adoro conhecer asuntos interessantes do passado. E como amo animais essa reportagem me deixou encantada.

  14. S. Menezes disse:

    Um dia estava passeando no Ibirapuera lá perto da estátua do leão e quase tropiquei nesse ‘tótem’ do Pinguim! Engraçado que ele está lá no meio, nada de suspeito em volta…Nem sabia dessa história de cemitério de animais.

Deixe uma resposta

Publicidade:

SP ANTIGOS

Nosso Instagram: @saopauloantiga
Something is wrong. Response takes too long or there is JS error. Press Ctrl+Shift+J or Cmd+Shift+J on a Mac.