Sergipana de nascimento e guarulhense de coração, a professora e poetisa Nicolina Bispo chegou a Guarulhos em 1918. Por aqui não só fez o hino da cidade, escreveu sua história voltada à educação e caridade.

Crédito: Divulgação

Fez o curso normal no Colégio Caetano de Campos onde hoje é a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo na Praça da República.

Começou a lecionar na recém inaugurada Escola Capistrano de Abreu no centro de Guarulhos e, logo depois, na Escola Mista do Gopoúva.

Fã de Machado de Assis, ostentava um retrato do escritor na parede de sua casa no bairro Dona Antônia, região do Gopoúva

Autora do Hino de São Paulo escrito em 1954 e condecorada em 1962 com o título de cidadã paulistana, Nicolina era uma mulher forte e exaltava sentimento cívico. Nos fundos da sua chácara, chegou a montar uma sala de aula para atender as crianças da região. Consagrou-se como vencedora do concurso do Hino a Guarulhos em 1960 em função das comemorações do IV Centenário. No ano de 1969 foi condecorada mais uma vez agora com outro título, o de cidadã guarulhense.

Ficou imortalizada em enaltecer a história da cidade cantada em prosa e verso valorizando as pessoas que a ergueram, enriquecendo o patrimônio cultural e as diversas etnias.

Faleceu aos 87 anos e está sepultada no Cemitério São João Batista. Homenagens ficaram restritas apenas em vida, pois o seu túmulo encontra-se abandonado, sem nenhuma placa de identificação.

Conheça a letra do Hino:

Sob o céu desta Pátria querida,
Mais cem anos de luta e labor,
Cingem hoje o teu nome Guarulhos,
Que se ergueu por seu próprio valor.

Chaminés, como lanças erguidas,
Nos apontam o caminho a seguir,
Trabalhando, vencendo empecilhos,
Desfraldando o pendão do porvir.

Tuas praças são livros abertos,
Onde lemos futuro de glória,
Crispiniano e Bueno fulguram,
Como vultos eternos na História…

Que o teu nome em mais um centenário,
E na língua tupi proclamado,
Seja um hino de paz, de esperança,
Por teu povo feliz, entoado.

Pequenina nasceste, e João Álvares,
Jesuíta, benzeu-te com Fé,
Tu és hoje cidade progresso,
Uma terra que vence de pé.

Eia, pois, guarulhenses, avante,
Com bravura na luta febril,
Por São Paulo e por tudo o que é nosso,
E, acima de tudo o Brasil!

About the author

Licenciada em História, é pesquisadora e professora da rede pública e particular em Guarulhos. É co-fundadora da Associação Guarulhos tem História e Associação Brasileira de Estudos Cemiteriais (ABEC). Co-autora dos livros "Guarulhos tem História" e "Guarulhos: espaço de muitos povos".

Deixe um comentário!

Comments

  • Márcio Evandro 23/04/2009 at 12:34

    Pois é. Profª Nicolina Bispo foi minha primeira professora (Primário) no Colégio Paulistano, à R. Taguá 150, S Paulo, SP.
    Tremenda educadora. Lembro-me inclusive de uma vez tê-la ouvida em programa de rádio (Rádio Gazeta na época, se não me engano). É aquela professora que jamais irá sair de nossa mente.
    (E ainda dava pequenos “prêmios” aos alunos, chocolates em forma de moedas de dinheiro – rs – q ainda existem).
    Agradecemos a Deus por pessoas como ela.

    Reply
  • simao pedro BISPO fech 16/07/2010 at 20:28

    que orgulho!!! pois Nicolina Bispo era minha tia av’o irma de meu avo Manoel de mello Bispo, mulher energica e carinhosa ao mesmo tempo, ficava feliz quando iamos a chacara em Guarulhos para visita-la, eles tinham tambem uma csa na Aclimacao, bairro em Sao paulo na rua Macahado de Assis.Minha mae ainda ‘e viva e tem 89 anos, e acho que ten ho algumas fotos dela… vou procurar , parabens pela grande pesquisador que voce ‘e, num pais sem mem’oria isto ‘e algo maravilhoso!!Parabens de novo Profesora Glaucia garcia de Carvalho, precisamos de gente como voce neste nosso Brasil!! sinceramente Simao Pedro BISPO Fech!!cirurgiao dentista.

    Reply
  • celisio jose da silva 27/02/2013 at 15:29

    lendos esses relatos fico sempre muito emocionado.

    Reply
%d blogueiros gostam disto: