Dois antigos sobrados geminados, bastante interessantes, que foram demolidos em meados de 2013 para dar lugar a uma escola de panificação. Eram localizados nos números 494 e 500 da rua Dom Lucas Obes, no bairro do Ipiranga.

clique na foto para ampliar

clique na foto para ampliar

Infelizmente não chegamos a tempo de observar estas duas belas casas “in loco”, mas felizmente temos o resgate das imagens através do Google Street View. É sempre para nós muito triste quando recebemos a notícias de que uma casa antiga foi abaixo, especialmente quando vemos o que é construído no lugar. Lamento pelos sobrados que se foram e felizmente não saiu no terreno deles um edifício com varanda gourmet.

Abaixo mais uma imagem (clique para ampliar):

Crédito: Google Street View

Veja a região através de nosso mapa:

Visualizar São Paulo Antiga em um mapa maior

About the author

Jornalista, fotógrafo e pesquisador independente, edita o site São Paulo Antiga e é membro do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (IHGSP). Também edita o blog Human Street View, focado em comparações fotográficas entre a atualidade e o passado.

JOIN THE DISCUSSION

Comments

  • J.C.Cardoso 05/08/2014 at 15:58

    Tijolinho com amarração inglesa (um tijolo cravado no meio entre os deitados)… interessante… raro… pelo, menos, aqui no Rio…

    Reply
    • Douglas Nascimento 05/08/2014 at 16:01

      Exato, bem raro por aqui também… achei um absurdo esta demolição.

      Reply
      • J.C.Cardoso 05/08/2014 at 16:10

        Pouca gente sabe o nome desse tipo de disposição.
        Na minha casa (de 1978) há uma parede assim. Por isso, eu sei…

        Reply
  • Wilson 05/08/2014 at 16:27

    A memória sendo engolida em nome do progresso… isso é lamentável

    Reply
  • Luiz Rossi 05/08/2014 at 16:59

    Nossa, sempre passava lá ficava parado vendo essas casinhas, eram lindas demais!!!

    Reply
  • ernani 05/08/2014 at 21:01

    Não sei se estou certo! Mas garanto que esses dois sobrados, foram deixados de herança.
    Herdeiros não dão valor ao sacrifício daqueles que fizeram uma propriedade. O que eles querem, é vender logo a herança deixada, e esbanjar o dinheiro.
    O Ipiranga está perdendo muitas mansões, para dar lugar a torres.
    Acho terrível morar em apartamento, da impressão que não somos donos de nada!

    Reply
  • resiak74 05/08/2014 at 23:47

    Curiosamente alguns meses atrás também recorri ao Google Street View para recordar qual era o imóvel anterior após ver a nova edificação no local (moro no Ipiranga). Chama a atenção a mureta, o portãozinho baixo e o jardim na frente (não havia nem garagem). Eram muito interessantes mesmo.

    Reply
  • Gualberto Cappi 06/08/2014 at 06:57

    Olà amigos! Aquela amarraçao, com um tijolo perpendicular entre dois paralelos, seria a forma normal de levantar o muro quando a construçao tem uma parede com espessura feita por dois tijolo “deitados”. O tijolo perpendicular serve pra “ligar”. Aquì (na Italia) chama-se de “muro a due teste”, ou seja “muro à duas cabezas”, intendendo por “cabeza” o lado curto do tijolo, um tipo de construçao muito comum atè as decadas dos anos ’50, quando ainda a tecnologia com esqueleto em betao armado nao era tao utilizada.
    Conheço bem a regiao de Ipiranga e passei muitas vezes na rua da casa e me-lembro dela; è verdade nao era muito comum em Sampa aquele tipo de construçao. Mas o que me chamava atençao era tambem a sua “composiçao”, muito equilibrada, simples e elegante com aquela decoraçao que juntava as dua janelas do terreo e do primeiro andar, muito “europeia”.
    Imagino no seu lugar o que surgiu: uma caixinha de sapato com janelinhas quadradas de aluminio …
    A beleza parece querer fugir deste mundo de hoje.
    Um abraço
    Gualberto

    Reply
  • Semper FI 06/08/2014 at 12:20

    Bom dia pessoal do SPA. Existem outros locais no Ipiranga onde se encontram esse tipo de construção. A história de um desses sobrados é a seguinte: a mãe de um amigo meu morava em um deles, sozinha e já estava com idade bem avançada. Como o bairro ficou muito violento e ela não se sentia segura, por causa do muro baixo e do acesso fácil a parte dos fundos do imóvel, ela acabou cedendo as investidas dos construtores que já tinham comprado o sobrado ao lado. É triste!! Infelizmente a especulação imobiliária está acabando com esse imóveis aqui no bairro.

    Reply
  • bugalloti 06/08/2014 at 19:26

    Olá, outro imóvel memóravel e que foi uma pena ter sido derrubado, foi uma construção paladina que ficava na Rua Clemente Pereira, ainda é possível ver no Google Street View uma pequena parte de sua fachada. Foi derrubada para ser construído um conjunto de edifícios.

    https://www.google.com.br/maps/@-23.598327,-46.604615,3a,75y,147.3h,81.91t/data=!3m4!1e1!3m2!1s8otJV6J07fm4lazfiprSvg!2e0

    Reply
  • vanialacerda2013 24/08/2014 at 19:31

    Olá, Douglas. Vc teria alguma imagem do que foi construído no local?

    Reply
    • Douglas Nascimento 24/08/2014 at 22:44

      Não tenho, providenciarei ok ?

      Reply
  • Gustavo Campos 27/03/2015 at 15:31

    Dá pra ver pelo Street View. Virou um berçário infantil.

    Reply
    • Alexandre 30/03/2015 at 12:56

      Não é o berçario Gustavo, é o imóvel ao lado. Eles compraram, demoliram e levantaram um prédio que abriga uma escola de panificação de um renomado chef no mercado, o Rogerio Shimura. Eu preferia os sobrados. Um deles, inclusive, era da mãe de um amigo meu.

      Reply